Docentes Permanentes

Ana Enne.webp

Ana Lucia Enne

LINHA 3

Professora do Departamento de Estudos Culturais e Mídia. Graduada em Comunicação Social pela PUC/RJ, com mestrado e doutorado em Antropologia pelo PPGAS/Museu Nacional/UFRJ. Coordena o LAMI (Laboratório de Mídia e Identidade) e o GRECOS (Grupo de Estudos sobre Comunicação, Cultura e Sociedade). Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Cultura e Mídia, atuando principalmente nos seguintes temas: identidade, mídia, memória, Baixada Fluminense, cultura popular, juventude, práticas  de comunicação, estudos de representação, narrativas, territorialidades e pensamento de fronteiras.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2823557639080127

PPCULT_Ana_Paula_Ribeiro_Alves.png

LINHA 3

Professora Adjunta do Departamento de Formação de Professores e do Programa de Pós-Graduação em Educação, Cultura e Comunicação em Periferias Urbanas (PPGECC) da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense / Universidade do Estado do Rio de Janeiro e do Programa de Pós-Graduação em Cultura e Territorialidades (PPCULT/UFF). Cientista Social formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1999), com Mestrado em Ciências Sociais (UERJ, 2003) e Doutorado em Saúde Coletiva (IMS/UERJ, 2009). Realizou Estágio Pós-doutoral no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais - PPGCS (UFRRJ - Programa PNPD/CAPES, 2013-2015). Faz parte conselho curador e de redação do Museu Afro Digital Rio (UERJ), atuando como coordenadora entre 2019-2021. Colabora com o Núcleo de Estudos Afro-brasileiros (UERJ) e é pesquisadora de grupos de pesquisa certificados no CNPq, incluindo o grupo Museus Afro-Digitais, Relações Raciais e Artes Visuais (UERJ). Coordena, na FEBF/UERJ, o LEARCC - Laboratório de Experimentações Artísticas e Reflexões Criativas sobre as Cidades. Membro do Comitê de Antropologia Visual da Associação Brasileira de Antropologia (CAV/ABA, 2019-2020; 2017-2018). Edita, desde 2012, com Maria Alice Rezende Gonçalves a Coleção A Lei 10639/03 e a formação de educadores, publicada pela editora Outras Letras e hoje com 5 volumes. É editora-chefe, com Mauro Henrique Amoroso, da Revista Periferia (do Programa de Pós-Graduação em Educação, Cultura e Comunicação em Periferias Urbanas/FEBF/UERJ). Faz parte das Elviras - Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema, do Comitê Consultivo do Centro Afro Carioca de Cinema Zózimo Bulbul e é associada da ABA - Associação Brasileira de Antropologia, da SBS - Sociedade Brasileira de Sociologia, da BRASA - Brazilian Studies Association e da LASA - Latin American Studies Association. Tem experiência nas áreas de Antropologia e Metodologia da Pesquisa e atua nos seguintes temas: Cinema, Cidade, Relações étnico-raciais e educação e Cultura afro-brasileira.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0181466068579034

daniel.jpg

Daniel Bitter

LINHA 2

Mestre em História da Arte pela EBA-UFRJ (2000) e Doutor em Antropologia pelo IFCS-UFRJ com Estágio no Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (IIUL- SCTE - Lisboa). Atualmente é professor Associado do Departamento de Antropologia da Universidade Federal Fluminense. Tem atuado nas áreas de Ritual e simbolismo, estudos de performances, Memória Social, Conhecimentos Tradicionais, Etnicidade, Etnomusicologia e cibercultura. Integra o grupo Encontro de Saberes UFF e o NARUA - Núcleo de estudos sobre artes, rituais e sociabilidades urbanas. Publicou o livro A bandeira e a máscara. A circulação de objetos rituais nas folias de reis. 7 letras, CNFCP/Iphan, 2010.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2932782599560205

 

Denilson Araujo.jpg

LINHA 1

Professor Adjunto do Departamento de Geografia da Faculdade de Formação de Professores da UERJ. É docente dos cursos de Graduação e Pós-graduação (Stricto Sensu e Lato Sensu) de Geografia da FFP-UERJ. Também Professor do Programa de Pós-Graduação em Cultura e Territorialidades - UFF. Possui graduação (Licenciatura e Bacharelado) (1999-2004), Mestrado (2004-2006) e Doutorado (2009-2011) todos em Geografia pela Universidade Federal Fluminense. Tenho experiência na área Geografia Humana e interesses de pesquisas, ensino, extensão e orientações concentrados na articulação dos seguintes temas: Espaço Urbano e Questão Étnico-Racial, Movimentos Sociais Urbanos e Novas Metodologias para o Ensino de África. Atualmente coordena o grupo de estudo e pesquisa NEGRA ? NÚCLEO DE ESTUDO E PESQUISA EM GEOGRAFIA REGIONAL DA ÁFRICA E DA DIÁSPORA que tem as seguintes linhas de pesquisas: 1- As dimensões espaciais das culturas negras em diáspora; 2- Inscrição Espacial do Racismo e do Antirracismo no Espaço Urbano; 3- Novas Metodologias sobre o Ensino de Geografia da África; 4- Pilares do Pensamento Descolonial e das Epistemologias do Sul Buscamos ainda, estabelecer um trabalho interativo com movimentos sociais, consultorias, grupos de estudos e pesquisas da universidade e fora dela, através de projetos de pesquisas, trocas de experiência, visitas, minicursos, palestras e diálogos que possibilitem o aprofundamento de ações políticas e de pesquisas.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/9650761438348301

IMG-20210223-WA0018.jpg

Douglas Mansur da Silva

LINHA 1

Professor Associado da Universidade Federal Fluminense, com atuação no Departamento Multidisciplinar do Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS), em Volta Redonda. Doutor em Antropologia pelo Museu Nacional/UFRJ (2007) e Mestre em Antropologia Social pela UNICAMP (2000). Bacharel e Licenciado em Ciências Sociais pela UNICAMP (1997 e 2000). Realizou estágios de pós-doutorado no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (2008/2009) e no PPGAS/Museu Nacional/UFRJ (2017/2018). Tem desempenhado atividades de pesquisa, ensino e extensão sobre os seguintes temas: agências, políticas e controvérsias em torno da cultura, da memória, das territorialidades, das migrações, deslocamentos e mobilidades, e dos Direitos das pessoas com TEA. Pesquisou também sobre temáticas ligadas ao exílio, intelectuais, e às relações rural-urbano. É autor do livro A Oposição ao Estado Novo no Exílio Brasileiro (1956-1975), Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais, 2006 e coorganizador da coletânea “Migração e Exílio”, São Carlos e Viçosa: EDUFSCAR e Editora UFV, 2018, entre outras publicações (artigos, capítulos de livros e organizações de números temáticos de revistas científicas).

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1812859470131233

PPCULT_Ericson_SaintClaire01.png

Ericson Saint Clair

LINHA 3

Professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense (UFF) do Departamento de Artes e Estudos Culturais (RAE) do curso de Produção Cultural (Campus Universitário de Rio das Ostras - CURO), da área de Teorias da Cultura e Contemporaneidade. Professor do Programa de Pós-graduação em Cultura e Territorialidades (PPCULT), da Universidade Federal Fluminense. Doutor em Comunicação e Cultura pela UFRJ, mestre em Comunicação pela UFF e bacharel em Comunicação Social pela Uerj. Monge zen budista da tradição japonesa Sôtô Shu (discípulo de Shingetsu Coen Roshi). Suas pesquisas privilegiam as relações entre cultura, corpo, percepção e subjetividade, com ênfase nas seguintes temáticas: Comunicação, ética e produção de subjetividade; Novas tecnologias da comunicação e subjetividade contemporânea; Epistemologia e fundamentos teóricos da Comunicação e Cultura; Genealogia dos meios de comunicação; Mídia, Corpo e Saúde.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7847523378294304

Flavia Lages.jpg

Flávia Lages

LINHA 3

Professora do departamento de Arte da Universidade Federal Fluminense. Coordenadora do Observatório de Economia Criativa do Estado do Rio de Janeiro - Minc/UFF. Possui graduação em História pela UERJ, mestrado em História Social e Doutorado em Ciências Jurídicas e Sociais pela UFF. Vem atuando na área de Política e Gestão Culturais, tendo como linhas de pesquisa gênero e Cultura. Participa como pesquisadora do Laboratório de Ações Culturais - LABAC/UFF. É editora executiva do periódico PragMATIZES - Revista Latino Americana de Estudos em Cultura. 

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2917232506144376

Flora Daemon.jpg

Flora Daemon

LINHA 3

Professora do Departamento de Letras e Comunicação da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Possui mestrado (2009) e doutorado (2014) em Comunicação pela UFF. Atualmente desenvolve pesquisa sobre os testemunhos a respeito das ações de Terrorismo de Estado na América Latina. Compõe a equipe que investiga a responsabilidade de empresas em violações de direitos durante a Ditadura: o caso Folha de S. Paulo, no âmbito do CAAF/Unifesp. É autora do livro "Sob o signo da infâmia" (Garamond/Faperj, 2015), estudo que recebeu menção honrosa no Prêmio Capes. Foi pesquisadora da Fundação Biblioteca Nacional, onde desenvolveu pesquisa acerca da formação do Comando Vermelho no contexto da ditadura civil-militar brasileira e em interface com a imprensa. No campo da extensão, atua junto a jovens que cumprem medidas socioeducativas no Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase). Tem interesse nos estudos sobre Memória, Ditadura, Direitos Humanos, Violência, Juventude e Estudos de Gênero.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/5800376509102055

Gilmar%20Rocha_edited.jpg

Gilmar Rocha

LINHA 2

Graduado em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1986), com mestrado em Sociologia da Cultura pela Universidade Federal de Minas Gerais (1993) e doutorado (2003) e pós-doutorado (2017) em Antropologia Cultural pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor do Departamento de Artes e Estudos Culturais (RAE) e do Programa de Pós-Graduação Cultura e Territorialidades (PPCULT), da Universidade Federal Fluminense (UFF). Dedica-se, principalmente, ao campo de estudos das culturas populares a partir das ciências sociais e humanas em perspectiva multidisciplinar. Coordena o Grupo de Estudos do CNPq Artesanias, corpos e paisagens.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2181628276889006

Janaina Damasceno.jpg

Janaína Damasceno

LINHA 3

Professora Adjunta da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ). Atua nos programas de Pós-graduação em Educação, Cultura e Comunicação (PPGECC/ Febf/ Uerj) e no Programa de Mestrado em Cultura e Territorialidades (PPCULT/ UFF). É Doutora em Antropologia Social (2013) pela USP, Mestre em Educação (2008) e Bacharel em Filosofia (1999) pela Unicamp. Realizou o pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFSCar, com o projeto "Uma Vida em Arquivos", cuja temática era a formação de arquivos visuais e audiovisuais de movimentos sociais negros no Brasil, na África do Sul e nos Estados Unidos. Um dos resultados da pesquisa foi a realização do curso de extensão "Cinema Negro, Fotografia e Políticas de Representação". Em março de 2014, participou das Jornadas Cinematográficas da Mulher Africana de Imagem em Burkina Faso. Neste período visitou a Cinemateca Africana e o arquivo de imagens coloniais do Institut Image. Com Janaína Oliveira está organizando um livro de entrevistas, resultado de seus encontros, em Burkina Faso, Moçambique e Brasil, com os cineastas Idrissa Ouedraogo, Gaston Kaboré, Cheik Omar Sissoko, Manthia Diawara, Veronique Kanor, dentre outros. Seus interesses de pesquisa incidem sobre Feminismo Negro; Ciências Sociais e Educação; relações entre Estética e Política; Cultura Visual e Audiovisual em África e na Diáspora Africana. Em novembro e dezembro de 2014, realizou pesquisas no Instituto Nacional de Audiovisual e Cinema (INAC) de Moçambique e na África do Sul. Desde novembro de 2013 é uma das coordenadoras do Fórum Itinerante de Cinema Negro (FICINE). www.ficine.org.br.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3976545023162410

Joa%CC%83o%20Domingues_edited.jpg

João Domingues

LINHA 1

Professor do Departamento de Arte. Possui doutorado em Planejamento Urbano pelo IPPUR/UFRJ. É mestre em Políticas Públicas e Formação Humana pela UERJ, com graduação em Produção Cultural pela UFF. Tem experiência na área de produção e planejamento cultural, com ênfase em Sociologia Política, Planejamento e Políticas de Cultura.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/1727419034796990

Leonardo Guelman.jpeg

Leonardo Guelman

LINHA 2

Professor do Departamento de Arte. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela UFF, mestrado em Filosofia pela UERJ e doutorado em Literatura Comparada pela UFF. Idealizador e coordenador do Projeto Rio com Gentileza que promoveu duas ações de restauração (em 2000 e em 2010) da obra mural do Profeta Gentileza no Rio de Janeiro. Foi coordenador do curso de graduação em Produção Cultural da UFF (1997-2000), Diretor do Centro de Artes UFF (2001-2006) e Curador do Teatro Raul Cortez (2007-2008). Atualmente é Diretor do Instituto de Arte e Comunicação Social da UFF. É Professor, escritor e pesquisador em arte e cultura, voltando suas pesquisas atuais para a relação - Narrativas, Imaginário e Território.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4761661446275142

Lia Calabre.jpg

Lia Calabre

LINHA 1

Graduada em História pela Universidade Santa Úrsula (1988), mestre em História pela Universidade Federal Fluminense (1999), Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense (2002). Pesquisadora Titular da Fundação Casa de Rui Barbosa, coordenadora do setor de políticas culturais da Fundação Casa de Rui Barbosa (2003-2014). Professora do Mestrado Profissional Memória e Acervos da FCRB (PPGMA).Professora nos MBAs de Gestão Cultural e Produção Cultural. Presidente da Fundação Casa de Rui Barbosa (2015-2016). Organizadora do Seminário Internacional de Políticas Culturais (desde 2010). Autora de livros, artigos e materiais didáticos, nacionais e internacionais, sobre políticas culturais. Tem experiência na área de políticas culturais, história cultural e política, com ênfase em Políticas Públicas de Cultura, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas de cultura, política cultural, gestão cultural e história do rádio no Brasil.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7913911848859139

Luiz Augusto.jpg

Luiz Augusto Rodrigues

LINHA 1

Professor do Departamento de Arte, coordenador do Programa de Pós-graduação em Cultura e Territorialidades na gestão 2013-2015. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela UFF e doutorado em História Social pela UFF. Atua junto ao curso de Produção Cultural, curso o qual ajudou a criar (1995) e coordenou (2011-2012). Dirigiu o Pólo Universitário de Rio das Ostras -PURO/UFF. Vem atuando na área de Gestão Cultural, tendo como linhas de pesquisa temas como: gestão cultural, políticas públicas de cultura, cidade e cultura, modernidade e espaço universitário. Coordena o Laboratório de Ações Culturais -LABAC/UFF e o projeto Ponto de Cultura Niterói Oceânico (MinC-CCARO). Presidiu o Conselho de Cultura de Niterói no biênio 2008-2010. Foi representante da UFF junto ao Programa Interinstitucional de Cultura das Universidades Públicas da Regional Sudeste -PRINC (2008-2010).

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0830481590492018

Marina Frydberg.jpg

Marina Bay Frydberg

LINHA 2

Professora do Departamento de Arte. Bacharel e Licenciada em Ciências Sociais, Especialista em Patrimônio Cultural em Centros Urbanos, Mestre em Antropologia Social  e Doutora em Antropologia Social, toda formação realizada na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Realizou estágio de doutorado no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (2009). E Pós-Doutorado em Antropologia na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2011-2013). Estuda a relação entre arte a antropologia, através da música e suas relações com identidade, sociabilidade, modernidade e tradição. Tem atuado principalmente nos seguintes temas: antropologia, antropologia urbana, identidade, música, patrimônio cultural, sociabilidade, lazer, juventude e performance.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3252387564151495

Prag. serio.JPG

Mário Ferreira de Pragmácio Telles

LINHA 1

Professor Adjunto do Departamento de Arte da Universidade Federal Fluminense (UFF). É docente do Mestrado Profissional em Preservação do Patrimônio Cultural do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (PEP/IPHAN). No âmbito da pós-graduação latu sensu, é professor convidado da Escola de Direito da FGV e da PUC-RIO, conduzindo disciplinas de Propriedade Intelectual, Direito Digital e Tecnologia da Informação. Seja na docência de graduação ou pós-graduação (lato ou stricto sensu), orienta alunos e leciona disciplinas que lidam com a interface entre cultura e tecnologia, tais como: Propriedade Intelectual; Aspectos Regulatórios da Tecnologia; Direitos Autorais; Direito da Cultura e do Entretenimento; Direito Digital, Ética e IA, Ética e Leis dos Robôs, em instituições como PUC-RIO, CESAR, FGV, UCAM e FACHA. Pragmácio tem experiência na gestão e coordenação de projetos de pesquisa na área de Direito e Tecnologia, Proteção de Dados, Inteligência Artificial, Direitos Culturais e Patrimônio Cultural.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2392527489812303

R%C3%B4ssi%20Alves_edited.jpg

Rôssi Alves

LINHA 2

Professora do Departamento de Artes e Estudos Culturais. É Pós-Doutoranda em Estudos Culturais, no PACC/UFRJ com Bolsa de Pós-Doutorado da FAPERJ. Possui Doutorado em Letras, na área de concentração Teoria Literária, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Mestrado em Poética, também pela UFRJ. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Estudos Culturais.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/6754106140247018

william.jpg

William de Goes Ribeiro

LINHA 3

Professor Adjunto da Universidade Federal Fluminense (UFF), atuando na graduação em Pedagogia e Geografia (Instituto de Educação de Angra dos Reis - IEAR). Foi professor Substituto da Faculdade de Formação de Professores (FFP)/ Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Pós-doutorado na UERJ (área de currículo) e pós-doutorando em Teoria Política pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). É Doutor e Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Possui Licenciatura Plena em Educação Física pela UFRJ. É líder de pesquisa do grupo GPECult - Grupo de Pesquisa em Educação e Cultura, vinculado à UFF. Pesquisa questões relacionadas à "diferença", "diversidade", "cultura", "cultura popular", "subjetivação" e "alteridade". Tem interesse no diálogo com a teorização curricular, com a teoria política/ do discurso e com os estudos pós-coloniais em vertente pós-estrutural.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4912922654698416

Docentes Colaboradores

PPCULT_Luciana_Requi%C3%A3o_edited.jpg

Luciana Pires de Sá Requião

LINHA 1

Doutora em Educação (2008) pela Universidade Federal Fluminense. Tem experiência na área de Artes e de Educação, com ênfase em Música, atuando principalmente nos seguintes temas: formação no trabalho e para o trabalho no campo da música, processos e relações de trabalho do músico; processos de ensino e aprendizagem musical do Músico-Professor; Arte, Educação Musical e a Formação do Pedagogo; Mundo do Trabalho, Música e Cultura no Capitalismo Tardio. É professora associada da Universidade Federal Fluminense, lotada no Instituto de Educação de Angra dos Reis, e membro permanente do Programa de Pós Graduação em Música da UNIRIO (PPGM) e do Programa de Mestrado Profissional em Ensino das Práticas Musicais da UNIRIO (PROEMUS). É lider do Grupo de Estudos em Cultura, Trabalho e Educação (GECULTE) e autora dos livros O Músico-Professor (2002), Eis aí a Lapa...: processos e relações de trabalho do músico nas casas de shows da Lapa (2010) e Sons e Pulso: formação inicial em música e educação (2013). Em 2018-2019 fez estágio de pós-doutorado junto ao Laboratório de Etnomusicologia da UFRJ. É representante Regional Sudeste da Seção Nacional do Fórum Latino Americano de Educação Musical (FLADEM) Fladem Brasil, na gestão 2017-2020.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/2687869588131721

julio.jpg

Júlio César Valente Ferreira

LINHA 2

Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001), mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003), graduação em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2010) e doutorado em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2018). Atualmente, é Professor Adjunto no campus Nova Iguaçu do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET/RJ) no Departamento de Engenharia Mecânica e no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional e Sistemas Produtivos. Líder do Grupo de Pesquisa Produção e Economia de Comunhão e do Grupo de Pesquisa Estudos Culturais do Extremo Oriente. Coordenador Científico do Encontro de Engenharia no Entretenimento. Possui experiência acadêmica e pesquisa nas áreas de Antropologia (subárea Antropologia Urbana), Engenharia de Produção (subárea Engenharia do Produto) e Engenharia Mecânica (subárea Mecânica dos Sólidos), com ênfase nos setores de atividades artísticas e criativas.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3396805392800659

PPCULT_Paulo_Gajanigo.png

Paulo Rodrigues Gajanigo

LINHA 2

Professor Adjunto IV de Sociologia do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal Fluminense e professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política da UENF; Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (2003), mestrado em Antropologia Social também pela Unicamp (2006) e doutorado em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2012). Atualmente está como Pesquisador Visitante na Media Film and Music School na University of Sussex (2019). Tem experiência na área de Teoria Social e Estudos Culturais, atuando, principalmente, nos seguintes temas: Identidade, Cultura, Democracia e Classe. Atualmente desenvolve pesquisa sobre o clima (mood) no período da abertura política no Brasil (1974-1985). É membro do Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas sobre Marx e o Marxismo - UFF e do Laboratório de Estudos da Cidade e da Cultura - IUPERJ.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0143913182375405

Wallace%20de%20Deus_edited.jpg

Wallace de Deus Barbosa

LINHA 2

Professor do Departamento de Arte. Doutor em antropologia pelo Museu Nacional/UFRJ e Mestre em Artes Visuais pela Escola-UFRJ de Belas Artes UFRJ. Realizou estágio pós-doutoral na área de antropologia no Instituto de Investigaciones Antropológicas da UNAM (Universidad Nacional Autónoma de México) entre os anos de 2007 e 200,. Atuou como coordenador do Inventário para o reconhecimento da capoeira como patrimônio cultural brasileiro, entre os anos de 2006 a 2008, em uma parceria entre o LACED-UFRJ, UFF e Museu do Folclore DPI (IPHAN). Atua como orientador acadêmico em trabalhos relacionados à produção cultural e artística entre populações tradicionais e tem orientado pesquisas relacionadas às políticas pública de salvaguarda do patrimônio cultural no contexto latino-americano.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7236366803550565

Pesquisadoras Pós-Doc

PPCULT_Diana_Bogado_edited.jpg

Diana Bogado

LINHA 3

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal Fluminense (2008), Mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal Fluminense (2011), Doutorado em Arquitetura pela Universidade de Sevilha, Espanha (2017) validado pela Universidade de Brasília, realizou pesquisa de Pós-Doutorado junto ao Departamento de Museologia Social da Universidade Lusófona, Lisboa, e junto ao Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, CES-UC (2018/2019). Participou e coordenou projetos participativos em territórios informais no Brasil e no exterior, junto a ONG espanhola ACS, "Arquitectura y Compromiso Social", no Marrocos, e a ONG EcoIn, no Rio de Janeiro. Coordenou o Projeto de Extensão à Comunidade, PEC, como docente de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Anhanguera Niterói em 2015 e 2016, que deu origem ao Museu das Remoções da Vila Autódromo, no Rio de Janeiro, do qual é co-fundadora e co-gestora. Coordenou a implementação de projetos de educação ambiental e infra-estrutura ecológica como Diretora Executiva da ONG EcoIn subsidiados pela Secretaria de Cultura do Rio de Janeiro e pelo Programa das Nações Unidas, PNUD, dentre eles implementação e gestão do Ponto de Cultura SEIVA, em Cachoeiras de Macacú, Rio de Janeiro, e do Projeto Favela Verde na comunidade Vital Brazil, Niterói, Rio de Janeiro. Atualmente é docente nos cursos de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Paulista e da Universidade do Planalto Central. Coordena o Projeto de Extensão "Cidade, Patrimônio e Memória: Uma exposição da versão não contada da Vila Paranoá", na Universidade do Planalto Central, Distrito Federal.)

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4633880425735677